12 atalhos para a alegria

Os especialistas defendem que a felicidade pode ajudar-nos a viver mais tempo.  

Apesar de cerca de 50% da nossa personalidade estar codificada nos genes, a verdade é que podemos aprender a sentirmo-nos mais alegres.

 

Mantenha um diário «positivo»

Reconhecer todas as coisas boas da vida pode reforçar a nossa boa disposição e energia. E quanto mais o fi zermos, mais efi caz se torna. Um estudo concluiu que anotarmos aquilo porque estamos gratos cinco vezes por semana resulta melhor do que apenas três vezes. Ou, todas as noites, antes de adormecer, pense
em cinco coisas que lhe agradaram nesse dia.


2 Realize cinco atos de gentileza esta

semana Ofereça fl ores a uma amiga ou ajude uma vizinha idosa a fazer as compras. Os atos de altruísmo promovem genuinamente a boa disposição.


3 Ouça a música de que gosta

Desencadeia alegria porque liberta endorfinas, substâncias químicas cerebrais que promovem o bem-estar.

 

4 Dê abraços... e mais

O afeto físico e o sexo libertam endorfinas, e também oxitocina, o que reforça a relação do casal.

 

 

5 Descubra um propósito

Seja uma religião, um sentimento de espiritualidade ou sentimentos de proximidade com a natureza, a sua família ou a sua comunidade, as pessoas com um forte sentido de significado nas suas vidas tendem a ser mais felizes.


6 Ria-se alto e bom som

Veja uma comédia, leia anedotas ou peça a alguém para lhe contar histórias divertidas. Uma boa gargalhada eleva os níveis das substâncias químicas do cérebro responsáveis pelo bem-estar.

 

7 Adote uma postura feliz

Levante os ombros, adote uma postura direita e, quando caminhar, dê passos largos e rápidos. É a linguagem corporal de uma pessoa feliz — e os estudos mostram que se agir como se estivesse feliz pode ajudar a sentir essa felicidade.

 

8 Faça algo novo

Depois volte a fazer qualquer coisa nova. Tentar coisas novas alimenta bastante as emoções positivas.


9 Estabeleça fronteiras entre o trabalho e a casa

Desligue o telemóvel e o computador quando chega a casa. Isto pode reduzir o stress em casa e estreitar os laços familiares.


10 Aprecie o que é «suficientemente bom»

Esta semana não perdeu tanto peso como esperava... mas perdeu algum. É uma vitória, não uma derrota. Segundo alguns estudos, as pessoas com expetativas mais realistas tendem a ser mais felizes do que as perfecionistas.


11 Liberte o Matisse que tem em si

Crie um postal de boas-festas, decore um bolo, plante ervas aromáticas, etc. Os estados criativos permitem-nos entrar num modo em que perdemos a noção do tempo e das preocupações, o que é absorvente e emocionante.


12 Imagine que já se sente feliz

Feche os olhos e imagine-se a fazer qualquer coisa de que goste mesmo muito. Os especialistas afirmam que as «experiências do pensamento» reforçam a confiança e ajudam a tornar a felicidade um hábito.

 

___________________________________________

Texto retirado de "Cérebro em Forma para Toda a Vida"