Jogos Olímpicos da Era Moderna

 

"Os Jogos Olímpicos de 1896 estiveram quase a ser anulados por questões de dinheiro"

VERDADEIRO OU FALSO?

 

VERDADEIRO

Para que a juventude de todo o mundo se pudesse reunir em Atenas, foi preciso ultrapassar alguns obstáculos.


Os Jogos Olímpicos da Antiguidade decorriam sempre em Olímpia. Assim, não é de admirar que os primeiros Jogos Olímpicos da era moderna decorressem na Grécia. Foi este o desejo do impulsionador francês Pierre de Coubertin. Os Jogos Olímpicos foram inaugurados solenemente em Atenas a 6 de abril
de 1896. Duzentos e quarenta e um atletas – apenas homens – diante das bancadas cheias de espectadores concorreram pelas tão cobiçadas medalhas.


Recolha de fundos para o desporto
Surpreendentemente, algumas semanas antes os Jogos Olímpicos estiveram prestes a ser anulados: soube-se que o seu custo seria três vezes superior ao inicialmente previsto por Coubertin. A Grécia, país anfitrião, não dispunha de meios. Os especialistas aconselharam então que se renunciasse a este
acontecimento tão dispendioso. O príncipe grego Constantino, grande apoiante dos Jogos, não aceitou esta hipótese, que considerou uma humilhação. Assumiu a presidência do comité organizador e empreendeu uma gigantesca campanha de recolha de fundos. Esta campanha não só suscitou uma reação por parte do povo grego como também dos gregos residentes no estrangeiro, de tal modo que foram angariados 330 mil dracmas num curto espaço de tempo. Selos de coleção especialmente concebidos para esta campanha valeram mais 400 mil dracmas suplementares. Com o preço dos bilhetes conseguiu-se reunir o dinheiro
suficiente para que Atenas ficasse sob o foco dos projetores no mundo do desporto durante dez dias.

_____________________________________________

Excerto retirado de "A INCRÍVEL HISTÓRIA DO MUNDO"