NEW YORK

I’ll make it anywhere.

It’s up to you, New York, New York

Frank Sinatra - New York, New York 

 

 

Nova Iorque é o quarto estado mais populoso dos EUA (atrás de Califórnia, Texas e Florida) e encontra-se a meio da costa atlântica. Tem 141 300 km2 de superfície e inclui Long Island e o vale do rio Hudson, estende-se des­de o porto de Nova Iorque, na direcção dos montes Apalaches, dos lagos Erie e Ontário e da fronteira canadiana. A nordeste, os montes Adirondack culminam a mais de 1500 m de altura, e sudeste os montes são Catskill são conhecidos pelos numerosos lagos.

Nova Iorque começou por ser uma colónia holandesa chamada Nova Holanda, mas em 1664 os britânicos apropriaram-se dela e mudaram-lhe o nome em honra do duque de York, irmão do rei Carlos II. Foi um dos pri­meiros treze estados que fundaram a União. Tem mais de 800 museus e 326 instituições de ensino superior, incluindo a Academia Militar de West Point.

O estado ocupa o segundo lugar no país em termos de produção, e as principais áreas da economia incluem a produção de equipamentos eléctricos e electrónicos e instrumentos científicos, bem como produtos químicos, roupas e alimentos. Os principais produtos da agricultura local são os lácteos, frutas, legumes e vinho. Também se cria gado. As princi­pais atracções turísticas são as cataratas do Niagara e a cidade de Nova Iorque. A capital do estado é Albany.

Nova Iorque também é o nome da cidade mais populosa do estado, localizada na costa leste. Esta é o centro de uma aglomeração que se es­tende para partes adjacentes dos estados de Connecticut e Nova Jérsia e tem quase 20 milhões de habitantes, uma das maiores concentrações populacionais do mundo.

Foi fundada em 1612 como um entreposto comercial holandês em Manhattan, na foz do rio Hudson. Graças ao excelente porto, que per­mitiu um comércio florescente, desenvolveu-se aí o assentamento de Nova Amsterdão. Mudou de mãos várias vezes até que em 1675 foi definitivamente entregue aos britânicos. Atraiu muitos imigrantes da Inglaterra, Escócia, Irlanda, Alemanha e Escandinávia. O período de maior crescimento da cidade ocorreu nos anos 1880-1920. Um dos seus bairros, Brooklyn, que em 1810 tinha 4000 habitantes, cem anos mais tarde, já tinha 1,6 milhões. Hoje Nova Iorque é o lar de mais de 150 grupos étnicos.

A cidade de Nova Iorque divide-se em cinco distritos: Manhattan, Bronx, Brooklyn, Queens e Staten Island. A cidade é um centro de finan­ças, comércio, indústria, comunicação, moda, entretenimento e turismo. O seu coração é Manhattan. O setor financeiro está localizado em Wall Street, em Lower Manhattan. O nome Wall Street vem da paliçada de ma­deira construída por colonos holandeses em 1653 para protecção contra os ataques indígenas. Muitas empresas, nomeadamente as de edição, as empresas de rádio e televisão (cujo ponto focal é o Rockefeller Center) e publicidade (centradas na Madison Avenue), têm a sua sede social em Midtown Manhattan a partir do extremo sul do Central Park . A indús­tria do vestuário e a da moda casas estão concentradas principalmente no sul. A sede das Nações Unidas está localizada junto do East River.

A cidade é rica em centros de entretenimento, arte, ciência e cultura, e tem muitos teatros, salas de concerto, universidades e museus. Broadway é o centro dos teatros. O Lincoln Center reúne mais de uma dúzia de instituições culturais, entre elas a Juilliard School, a Metropolitan Opera e a Filarmónica de Nova Iorque. Também se realizam muitos concertos no Carnegie Hall, perto do Central Park. Outras atracções mundialmente famosas incluem a Biblioteca Pública de Nova Iorque e o New York City Ballet. O mais notável dos muitos museus é o Metropolitan Museum of Art, cujo edifício principal fica no canto oriental do Central Park. Reune quase 3 milhões de obras de arte.